O Presidente ucraniano voltou a excluir qualquer possibilidade de negociar com o homólogo russo, até que Vladimir Putin aceite a sua derrota na guerra. Volodymyr Zelensky voltou a dizer que a vitória do seu país depende do Ocidente.

As declarações de Zelensky foram feitas em conferência de imprensa, numa altura em que o conflito entra no seu terceiro ano.

“É possível falar com uma pessoa surda? É possível falar com uma pessoa que mata os seus oponentes?”, disse Zelensky, citado pela DW.

O Presidente ucraniano insistiu na “Fórmula de Paz”, um documento que exige, entre outros, a retirada das tropas russas de todo o território ucraniano, como o único quadro de negociação possível.

“Vamos oferecer-lhe uma forma de aceitar que perdeu a guerra e que esta foi um grande erro”, disse Zelensky, que pretende realizar uma cimeira internacional na Suíça para conseguir que o maior número possível de países apoie a “Fórmula de Paz”.

O Chefe de Estado explicou que, uma vez obtido o apoio destes países, o documento será apresentado a Putin, tal como foi feito com o acordo sobre os cereais, patrocinado pela Turquia e pelas Nações Unidas.

Zelensky afirmou que a vitória do seu país depende do apoio do Ocidente e disse ter a certeza de que os Estados Unidos vão aprovar um pacote de ajuda militar. “Se a Ucrânia vai perder, se vai ser muito difícil para nós e se vai haver um grande número de baixas, depende de vós, dos nossos parceiros, do mundo ocidental”.

Pela primeira vez, o Presidente ucraniano quantificou as perdas militares da Ucrânia em dois anos de conflito: foram 31.000 soldados ucranianos mortos desde o início da guerra.

Fonte:O País

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *