Trinta candidatos, entre professores de educação física, treinadores, massificadores e secretários-técnicos provinciais, incluindo o seleccionador nacional de futebol de praia, Abineiro Ussaca, beneficiam-se, desde esta terça-feira até próxima sexta-feira, em Maputo, de um curso de capacitação de instrutores FIFA de Futebol de Praia. Os formandos estão satisfeitos com o curso.

Mais um curso em andamento que visa o desenvolvimento do desporto moçambicano e organizado pela Federação Moçambicana de Futebol está em andamento. Desta vez, é o curso de instrutores de Futebol de Praia, uma das modalidades que tem estado a dar alegria ao povo moçambicano neste ano de 2021, depois de várias conquistas, entre elas e a mais recente, o troféu da Taça Cosafa.

Ministrado pelo brasileiro e instrutor-FIFA Gilberto Costa, campeão do Mundo pelo seu país em 2017 e seleccionador do Brasil nos últimos seis anos, o curso conta com a participação de 30 intervenientes, dos quais 27 homens e três mulheres.

Dos participantes, o maior destaque vai para o campeão regional de futebol de praia ao comando da selecção nacional, Abineiro Ussaca, que agradeceu a iniciativa e disse que “quero aproveitar para aumentar os meus conhecimentos”, para além de “transmitir, no futuro, estes conhecimentos a outros treinadores”.

Com objectivo de conferir aos participantes as bases para o desenvolvimento da modalidade em Moçambique, o curso é ministrado em duas vertentes, sendo a teórica no Auditório Ferdinand Wilson, na Casa do Futebol, e a prática na Arena da Costa do Sol.

Segundo o director Técnico Nacional, Arnaldo Salvado, a FMF vai continuar com os investimentos que estão a ser feitos no futebol de praia, em especial a formação de instrutores ao nível de todas as províncias, razão pela qual estão representadas no presente curso todas as províncias, à semelhança do recentemente realizado CURSO FIFA de Instrutores de Futsal.

Gilberto Costa, instrutor do curso, começou por dar os parabéns ao seleccionador Abineiro Ussaca pela conquista do Torneio COSAFA de Futebol de Praia e pelo trabalho empreendido. Vincou que, apesar de ser detentor de alguma experiência, a sua intenção não é apenas ensinar, mas também aprender com os formandos durante o curso. Por fim, agradeceu pela oportunidade de poder trabalhar com um país irmão falante da mesma língua.

Por seu turno, o presidente Feizal Sidat referenciou que o futebol de praia é uma das grandes apostas da federação. Dirigindo-se aos participantes, sublinhou a grande responsabilidade que os formandos têm de implementar na prática o saber adquirido no curso e replicar o conhecimento de volta às zonas de origem.

Fonte:O País

Leave a Reply

Your email address will not be published.