Eleva-se a 26 o número de mortos, vítimas de um dos tornados no estado norte-americano do Mississippi. Este número pode vir a aumentar, tendo em conta que as buscas por sobreviventes continuam.

O Presidente, Joe Biden, ofereceu apoio federal e enviou a seguinte mensagem no Twitter: A“Jill e eu estamos a rezar por aqueles que perderam entes queridos nos tornados devastadores do Mississippi e por aqueles cujos entes queridos estão desaparecidos. Falei com @tatereeves, @SenatorWicker, @SenHydeSmith, e @BennieGThompson para expressar as minhas condolências e oferecer todo o meu apoio federal”.

James Hancock, residente em Rolling Fork, no Mississippi, dizia aos repórteres na manhã de domingo, citado pela euronews: “Foi simplesmente devastador ontem à noite. Breu, negro e escuro. Tentámos apenas tirar toda a gente que pudesse sair para os levar para um local seguro”.

Em Silver City, William Barnes diz: “Perdemos tudo, mas saímos com vida. Ficámos a casa. Arrancou o meu camião, o carro, e o outro carro. Mas nós estamos bem”.

O estado do Mississippi está agora a começar a avaliar a dimensão da devastação após os tornados.

“É uma tragédia”, escreveu o governador do estado, Tate Reeves, no Twitter, “A escala das perdas e danos é hoje evidente em todas as áreas afectadas”, declarou, após visitar Silver City, uma das cidades mais duramente atingidas.

Em Rolling Fork, uma cidade de cerca de 2.000 pessoas no Mississippi ocidental, as imagens mostravam filas de casas arrancadas das suas parcas fundações, ruas repletas de escombros e carros atirados para os telhados. Dois semi-reboques também foram empilhados um em cima do outro. Centenas de árvores foram arrancadas.

O estado de emergência foi declarado no Mississipi.

“A MINHA CIDADE JÁ NÃO EXISTE”

“Quase tudo na cidade foi varrido”, disse Patrícia Perkins, uma residente de 61 anos de idade, à AFP por telefone. “A maioria das lojas foi varrida” pelo tornado, disse a funcionária da loja de ferramentas.

Aaron Rigsby, um perseguidor de tornados, disse ter chegado ao local na sexta-feira à noite e ouviu “gritos de pessoas presas nos escombros, a pedir ajuda”.

“Uma senhora, que não chegou a tempo a um local seguro, foi apanhada. O telhado da sua casa caiu-lhe em cima”, disse à AFP por telefone. “Consegui libertá-la dos escombros” e procurar ajuda enquanto ela sofria um ferimento na perna.

Outra mulher ficou “presa entre o seu sofá, pedaços do telhado, e um frigorífico”, disse ele, referindo-se “às mesmas cenas por toda a cidade”.

Na CNN, o presidente da câmara de Rolling Fork, Eldridge Walker, disse: “a minha cidade já não existe”.

Segundo o autarca, várias vítimas foram localizadas e retiradas dos escombros das suas casas e levadas para hospitais.

“As casas que foram demolidas podem ser substituídas, mas não se pode substituir uma vida”, disse Eldridge Walker. “As perdas serão sentidas nestas cidades para sempre”, tuitou o Governador Tate Reeves, pedindo orações pelas vítimas e suas famílias.

Um tornado atingiu também o estado do Alabama, onde morreu uma pessoa.

Os tornados, um fenómeno meteorológico tão impressionante como difícil de prever, são comuns nos Estados Unidos, particularmente na região Centro e Sul do país.

Em Dezembro de 2021, cerca de 80 pessoas morreram vítimas dos tornados que se abateram no Kentucky.

Leia mais…

Fonte:Jornal Notícias

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *