Presidente da Guiné Equatorial inicia hoje visita de três dias à Moçambique

O presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang, realiza, de hoje até sexta-feira, uma visita de Estado a Moçambique. Um comunicado da Presidência da República indica que a visita surge em resposta ao convite formulado por Filipe Nyusi.

Os dois estadistas têm previstas, esta quarta-feira, conversações oficiais, onde se vai abordar o reforço das relações de amizade, solidariedade e cooperação nos domínios comercial, regional e internacional.

O programa do presidente da Guiné Equatorial contempla, igualmente, a deposição de uma coroa de flores na Praça dos Heróis, bem como visitas ao porto de Maputo, Assembleia da República e ao Conselho Municipal da Cidade de Maputo.

Um importante produtor de petróleo em África, a Guiné Equatorial tem uma população de perto de 800 mil habitantes, sendo o país com o maior Produto Interno Bruto per capita do continente Africano e o 69.º do mundo.

Oficialmente República da Guiné Equatorial, é um país da África Ocidental. A ilha de Bioko (antiga Fernando Pó), no norte do Golfo do Biafra, alberga a capital, Malabo; as outras ilhas são a de Ano Bom, a sul de São Tomé e Príncipe, e as ilhas Corisco, Elobey Grande e Elobey Pequeno (e ilhotas adjacentes) na baía de Corisco, ao largo do Gabão.

A Guiné Equatorial é membro da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) desde 2014, após ser aceite na X Cimeira de Chefes de Estado da organização.

O país teve que implementar uma série de exigências para a adesão à CPLP, apesar da oposição de várias organizações da sociedade civil dos países lusófonos, que acusam o regime de Obiang de cometer violações dos direitos humanos.

Teodoro Obiang vem a Moçambique depois de ter passado por Angola, há poucos dias, onde reuniu com chefe de Estado daquele país, José Eduardo dos Santos.


Fonte: O Pais -Politica

Leave a Reply

Your email address will not be published.