Presidente sul-africano saúda início da produção de vacina

O Presidente Cyril Ramaphosa saudou, esta quarta-feira, o anúncio de um acordo entre o grupo sul-africano BIOVAC e as farmacêuticas Pfizer e BioNTech.

 Na base deste entendimento, o gruo BIOVAC vai começar a produzir, em dois mil e vinte e dois, uma vacina contra a covid-19, na África do Sul, que será a primeira do continente africano.

A referida vacina será produzida na cidade do Cabo.

Esta parceira permitirá o fornecimento de até cem milhões de doses, por ano, aos países africanos.

Ramaphosa assegura que o acordo anunciado, vai contribuir para a  segurança da saúde e sustentabilidade de África, continente que tem menos acesso ás vacinas ( RM)

Fonte:Rádio Moçambique Online

Leave a Reply

Your email address will not be published.