A primeira mulher Presidente, na história da Hungria, anunciou a sua renúncia ao poder através de uma mensagem televisiva. “Emiti um perdão que causou perplexidade e inquietação para muitas pessoas. Cometi um erro”, disse Novak, no fim de semana.A decisão da Presidente desencadeou um escândalo político sem precedentes para o governo nacionalista de longa data do partido Fidesz.A sua renúncia é um raro episódio de turbulência para o partido de direita, que, sob a liderança do primeiro-ministro Viktor Orbán, foi acusado de desmantelar instituições democráticas e manipular a imprensa a seu favor.De 46 anos, Katalin Novak governou a Hungria por quase dois anos.

Fonte : Folha de Maputo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *