Portugal: Marcelo reeleito Presidente

Os portugueses foram às urnas para eleger o 20.º Presidente da República e o sexto em democracia.

Na corrida a Belém estavam sete candidatos, entre eles duas mulheres e três ‘repetentes’. A vitória foi a esperada: Marcelo Rebelo de Sousa foi eleito para mais um mandato. Ana Gomes ficou em 2.º e apesar de ter falhado o seu “objectivo”, alcançou um feito inédito. Já André Ventura demitiu-se mas logo anunciou a recandidatura. Eis o ‘filme’ desta noite eleitoral, a que a abstenção não faltou.
Dos 10.865.010 eleitores, mais 1.208.536 do que nas eleições presidenciais de 2016 que este domingo foram chamados a votar, 54,55% (novo máximo para a escolha do chefe de Estado) abstiveram-se de fazê-lo. Votaram 4,2 milhões de eleitores, menos de metade dos 9,3 milhões de inscritos no território nacional.
Tal como se previa, Marcelo Rebelo de Sousa foi reeleito, com 60,70% dos votos. Mais renhida foi a luta pelo segundo lugar. Ana Gomes, candidata apoiada pelo PAN e Livre, conseguiu ficar à frente do candidato do Chega, com 12,97% e 11,90%, respectivamente.
Em quarto lugar ficou o candidato da CDU, João Ferreira (4,32%), em quinto a candidata Marisa Matias, do Bloco de Esquerda (3.95%), e em sexto a ‘surpresa da noite’ Tiago Mayan Gonçalves, o candidato do Iniciativa Liberal, com 3,22%. No sétimo, e último lugar, ficou Vitorino Silva, com2,94%. (RM MNinuto)

Fonte:Rádio Moçambique Online

Leave a Reply

Your email address will not be published.