Moçambique terá 1ª refinaria de gás de cozinha a partir do projecto de Pande e Temane

Moçambique vai ter a sua primeira refinaria de gás de cozinha, a partir do projecto de exploração do gás de Pande e Temane, em Inhambane, pela multinacional SASOL.

 Segundo o director nacional de Hidrocarbonetos e Combustíveis, Moisés Paulino, a refinaria vai produzir anualmente cerca de trinta mil toneladas de gás de cozinha, capazes de responder a demanda do mercado nacional que actualmente recorre ao estrangeiro.

“ Vai anualmente fazer a produção de cerca de 30 mil toneladas de GPL, o que naturalmente vai fazer com que as importações do gás de cozinha sejam minimizadas. Hoje, cem por cento do gás de cozinha que nós consumimos nas nossas residências é importado e com este projecto, naturalmente o gás de cozinha será produzido internamente em Moçambique”, disse. 

A construção da refinaria é parte do investimento global de cerca de 770 milhões de dólares anunciados, esta terça-feira, em conferência de imprensa pelo Ministério dos Recursos Minerais e Energia. (RM)

Fonte:Rádio Moçambique Online

Leave a Reply

Your email address will not be published.