Moçambique regista mais uma morte por COVID-19 e 241 recuperados

O país somou este domingo 75 óbitos causados pelo novo Coronavírus, com o anúncio de mais morte ocorrida no sábado. O malogrado, de nacionalidade moçambicana e de 74 anos de idade, vivia na cidade de Maputo.

O Ministério da Saúde informou, através de um comunicado enviado ao “O País”, que o estado de saúde do malogrado agravou-se durante o seu internamento num hospital da capital do país.

O caso foi diagnosticado no dia 15 de Outubro corrente, e a vítima perdeu a vida este sábado, esclarece a Saúde.

De sábado para domingo, mais 241 pessoas foram comunicadas que estão livres do vírus, o que elevou o cumulativo para 8.513. Tratam-se de 169 indivíduos da província de Maputo, 69 da cidade com o mesmo nome e duas da Zambézia. Todos os recuperados são de nacionalidade moçambicana.

O Ministério da Saúde realizou 1.380 testes em pessoas suspeitas de terem a COVID-19. Destes, 159 foram positivos para a doença, sendo 158 moçambicanos e um estrangeiro de nacionalidade francesa. Todos os casos resultaram da transmissão local.

Dos 159 novos pacientes, 80 (50.3%) são do sexo feminino e 79 (49.7%) são do sexo masculino. A cidade de Maputo registou maior número de casos (86), o que corresponde a 54% do total dos casos reportados este domingo em todo o país; seguida pela província de Maputo, com 47 casos (29.6%).

“Assim, o país tem, cumulativamente, 10.866 casos positivos registados, dos quais 10.567 de transmissão local e 299 importados”, lê-se no comunicado.

Existe um cumulativo de 314 pacientes internados devido à infecção pelo novo Coronavírus, sendo 40 ainda acamados nos centros de internamento para pessoas com COVID-19.

Fonte:O País

Leave a Reply

Your email address will not be published.