Mendes começou por desafiar a Federação Moçambicana de Futebol a potenciar a selecção nacional, a estrutur mais a modalidade no país, dotando-a de competições regulares, que permita a participação de todas províncias moçambicanas.” Queria deixar este recado ao presidente da Federação Moçambicana de Futebol, investir bem em todas as modalidades, em todas disciplinas e investir melhor naquilo que está a dar certo, e o futebol de praia já não tem nada para provar a ninguém, está a dar certo, e que nós podemos ter uma potência a nível mundial, estamos a organizar o Campeonato Africano, e podemos organizar o Mundial e não está muito longe” referiu. SED Mendes, disse ainda que o avanço da candidatura está agora dependente das prestações internacionais da selecção de todos nós, e para o efeito, o dirigente desafiou igualmente a equipa para que conquiste o próximo africano que vai decorrer em Vilankulo, na Província de Inhambane.De referir, que Moçambique além de ter sido o vice-campeão africano da modalidade e ter participado num mundial pela primeira vez, venceu no último fim-de-semana, o Torneio COSAFA, ao vencer a Tanzânia na final por três bolas a uma.

Fonte: Folha de Maputo

Leave a Reply

Your email address will not be published.