A Presidente do partido Chama Cha Mapinduzi, da Tanzânia, Samia Suluhu Hassane, desafiou as lideranças de Moçambique e do seu país a reforçarem as suas economias, de modo a melhor servirem os seus povos.

Discursando como convidada de honra no XII Congresso da Frelimo, Hassane desafiou os dois partidos a trabalharem mais unidos e a lutarem para uma maior musculatura das economias dos respectivos partidos, de modo a assegurar a sua sobrevivência.

Denunciou um plano visando eliminar do mapa político africano os partidos de génese de libertação, por via da capacitação de forças políticas da oposição.

Leia mais…

Fonte:Jornal Notícias

Leave a Reply

Your email address will not be published.