Perante o avanço da COVID-19, o Governo Moçambicano solicitou apoio à Cuba para resposta mais eficaz contra a pandemia no país. É neste quadro que, na tarde de hoje, chega ao país o primeiro grupo de profissionais cubanos especializados. 
 
Segundo uma nota do Ministério da Saúde são ao todo, 45 profissionais de saúde. Deste número, 30 são Médicos Especialistas em Cuidados Intensivos e 15 Enfermeiros  Intensivistas. 
 
O primeiro grupo, de 14 profissionais de saúde, de entre eles 5 Médicos e 9 Enfermeiros, chegam dentro de minutos ao país. 
 
Dada situação complexa no país, marcada pelo aumento exponencial de infecções e vítimas mortais, neste mês de Janeiro, a expectativa do Ministério da Saúde é que os 14 profissionais entrem em actividade a partir do dia 27, Quarta-feira. Todavia tudo está dependente dos resultados da colheita das suas amostras (teste PCR), para o despiste da Covid-19, à sua chegada.
 
O segundo grupo, composto por 31 profissionais de saúde, deverá chegar ao país no dia 02 de Fevereiro. (Tvmiramar)

Fonte: Carta de Moçambique

Leave a Reply

Your email address will not be published.