MAPUTO- O presidente do Movimento Democrático de Moçambique, Daviz Simango, mostrou-se, neste sábado, um dia depois da retomada do Desarmamento, Desmobilização e Reintegração das forças residuais da Renamo, bastante satisfeito com o acto. Mas, de seguida, Daviz Simango, que falava numa conferência de imprensa, disse que estava preocupado pela pouca informação para o cidadão comum.O início dos primeiros contactos com a auto-proclamada Junta Militar da Renamo, através do representante especial das nações unidas, deixou igualmente satisfeito Daviz Simango.

Fonte: Folha de Maputo

Leave a Reply

Your email address will not be published.