AS autoridades sanitárias na cidade de Maputo vão reforçar as intervenções para reduzir a prevalência do HIV/SIDA, aproximando-se à meta da Organização das Nações Unidas (ONU).

A pretensão foi manifestada, há dias, pela Secretária-Executiva do Gabinete de Combate ao HIV/SIDA na cidade de Maputo, Aldevina Tsambe, na reunião do grupo técnico de Direitos Humanos e da população-chave, que juntou o sector público, sociedade civil e parceiros de cooperação.

“O Conselho Provincial de Combate ao HIV/SIDA tem expectativas altas em relação as intervenções no sentido de ver as taxas de prevalência do HIV. Queremos elevar a consciência de direitos dos diferentes actores e atingir metas estabelecidas a nível nacional e global até 2030”, disse.

Leia mais…

Fonte:Jornal Notícias

Leave a Reply

Your email address will not be published.