O antigo Presidente da África do Sul, Jacob Zuma vai recorrer ao Tribunal de Recurso, para tentar a anulação de um processo judicial. A informação foi avançada pela Fundação Zuma, depois de o Supremo Tribunal ter chumbado um recurso contra as acusações do Ministério Público.

Na terça-feira, o juiz do Supremo Tribunal de Justiça de KwaZulu-Natal, Piet Koen, disse que o antigo Presidente da África do Sul não conseguiu provar que o Ministério Público não tinha fundamentos para o processar.

Para a sua decisão, o juiz do Supremo Tribunal argumentou que muitas das alegações que Zuma levantou contra o procurador Downer foram baseadas em especulação, suspeita ou rumores inadmissíveis e não em factos.

Em reacção à decisão judicial, a fundação do ex-governante disse que Jacob Zuma instruiu os seus advogados a recorrerem da sentença no Supremo Tribunal de Recurso, para que o seu pedido seja considerado.

No anterior recurso, o antigo Estadista tinha acusado o procurador Downer de transformar o seu caso criminal num projecto próprio e sem o mínimo de objectividade. Zuma queria que Downer fosse retirado do caso, alegando que o mesmo não tinha um título legal para processá-lo.

Fonte:O País

Leave a Reply

Your email address will not be published.