Published On: Fri, Mar 1st, 2019

Interceptados 70 etíopes ilegais em Tete

Agentes da Polícia de Fronteiras interceptaram, quarta-feira, um grupo de 70 cidadãos etíopes no distrito de Macanga, província central de Tete, por entrada ilegal em Moçambique.
O facto foi revelado ontem pelo administrador de Macanga, Assane Ussene. Explicou que os imigrantes tentaram, em vão, subornar os agentes da Polícia de Fronteiras com 130 mil meticais.
“Para escaparem da acção policial, os etíopes tentaram corromper com 130 mil meticais. Os polícias resistiram a essa tentação, mantendo-se firmes em não deixar passar estes que entraram no nosso território ilegalmente”, disse o administrador.
A fonte explicou que para entrar em Moçambique, através do distrito de Macanga, que faz fronteira com Malawi, os etíopes usaram passagens clandestinas, ao invés dos postos de travessia legítimos.
“Eles faziam-se transportar de uma carrinha de caixa aberta. Ao serem questionados pela polícia, disseram que pretendiam chegar à fronteira de Cuchamano, em Changara, para entrar no Zimbabwe e daí para a África do Sul à procura de emprego”, explicou.
Segundo o administrador de Macanga, os cidadãos ilegais encontram-se detidos na vila de Furancungo, sede distrital, enquanto aguardam pelo seu repatriamento para o posto de entrada.
Este é o segundo grupo de cidadãos etíopes detidos por entrada ilegal em Moçambique. Há dias, um outro grupo, de 25 cidadãos etíopes foi detido no distrito de Vanduzi, província de Manica.
Na mesma operação foram detidos três cidadãos moçambicanos, indiciados de facilitar a entrada e transporte dos ilegais que também tinham como destino a vizinha África da Sul.

 

    Fonte:Jornal Notícias

    Leave a comment

    XHTML: You can use these html tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

    Compre e Venda

    Vendas Online