O Instituto Nacional dos Transportes Terrestres (INATRO, IP), suspendeu, desde o dia 01 de Dezembro de 2021, a produção da carta de condução biométrica, devido à rescisão do contrato a 30 de Novembro do ano passado com a entidade responsável pela produção e emissão do documento.

 

De acordo com o comunicado a que “Carta” teve acesso, a suspensão da emissão das cartas de condução deveu-se a irregularidades de natureza administrativa, registadas no âmbito da respectiva contratação.

 

Sem revelar detalhes sobre as respectivas irregularidades, o INATRO remeteu o assunto às autoridades competentes, para acções subsequentes, de modo a assegurar o cumprimento das obrigações contratuais.

 

Entretanto, como forma de garantir a continuidade do serviço de produção e impressão da Carta de Condução Biométrica, o INATRO diz já ter iniciado, de imediato, com diligências para a contratação de uma entidade com vista à retoma do serviço o mais urgente possível.

 

Enquanto se aguarda pela conclusão do processo, os condutores continuarão a usar a carta de condução temporária emitida nas situações de condutor inicial, averbamento e segunda-via, renovação e actualização de detalhes. Caso a carta se encontre caducada, os condutores deverão dirigir-se às delegações do INATRO afim de prorrogar a sua data de validade. (Marta Afonso)

Fonte: Carta de Moçambique

Leave a Reply

Your email address will not be published.