Nelson Manuel, em masculinos, e Alcinda Panguana em femininos, foram eleitos, esta quinta-feira, atletas do ano 2021, numa cerimónia que, também, elegeu algumas personalidades que foram importantes no processo de desenvolvimento do desporto no país.

Treinador do ano, em feminino, foi para Leonor Marizola, a nível masculino foi para Lucas Sinoia.

Árbitro 2021, em femininos foi para Joselina Nogueira e, em masculino, foi para Luís Marcelino.

Prémio revelação coube a Benvinda Longuela, do Tai-kun-du. A atleta mais popular foi a do boxe, Rady Gramani; equipa feminina do ano foi a dupla Venessa Muianga e Ana Paula Sinaportal.

No Voleibol, a nível masculino foi a selecção nacional de futebol de Praia. No prémio prestígio foram indicados João de Sousa e Rui Hélder Guilaze, a título póstumo; no desporto adaptado foram coroados Edmilsa Governo e Hilário Chavela.

Prémio prestígio foi para Joel Matias Libombo e foram galardoadas as famílias Matos, Nhancale, Albazine, Culubes, Cumbes e Wingue.

O prémio carreira pata Penalva César, Nicolau Manjate, Amílcar Soares, Claudete Pereira, Domingos Langa e José João Martins. (RM)

Fonte:Rádio Moçambique Online

Leave a Reply

Your email address will not be published.