fome min

Pelo menos duas pessoas perderam a vida nos últimos dias, na sede do distrito de Nangade, em Cabo Delgado, supostamente devido à fome, que afecta a maior parte de famílias deslocadas acolhidas naquela região.

 

As duas vítimas são deslocados provenientes do distrito de Mocímboa da Praia e perderam a vida devido a dificuldades de acesso à alimentação e viviam em tendas e em pequenas palhotas na sede do distrito de Nangade. Fontes contaram à “Carta” que há quatro meses que as famílias deslocadas não recebem apoio humanitário do governo e seus parceiros, facto que agrava a crise alimentar. Para fazer face à fome, algumas famílias provenientes do distrito de Mocímboa da Praia recorrem a restos de farelo descartados por proprietários de algumas moagens e as do distrito de Nangade recorrem a familiares e conhecidos. 

 

Lembre-se que a última vez que famílias deslocadas em Nangade-sede beneficiaram de apoio das autoridades e parceiros foi em Maio passado, aquando da visita do Governador Valige Tauabo e do Secretário de Estado António Supeia. (Carta)

Fonte: Carta de Moçambique

Leave a Reply

Your email address will not be published.