UM cidadão de 45 anos de idade encontra-se detido, desde sábado, nas celas da 2.ª Esquadra da Polícia da Republica de Moçambique (PRM), em Quelimane, na Zambézia, acusado de ter espancado até a morte um membro das Forças de Armadas de Defesa (FADM).

O assassinato ocorreu, na noite de sexta-feira, após um convívio entre o finado e o indiciado, numa casa de pasto no bairro Chuabo Dembe.  A vítima, de 20 anos, pertencia a uma unidade da Marinha de Guerra localizada nesta unidade residencial. 

O indiciado foi apresentado, ontem, à imprensa e nega o envolvimento no crime. Entretanto, confirma ter estado com o finando, horas antes do seu corpo ser encontrado no mangal, com sinais de golpes.

Leia mais…

Fonte:Jornal Notícias

Leave a Reply

Your email address will not be published.