Morreram na manhã de hoje dois ministros malawianos devido a Covid-19. Trata-se dos ministros dos Transportes e dos Governos Locais, respectivamente Sidik Mia e Lingson Belekanyama. São os primeiros membros do executivo de Lazarus Chakwera a morrerem devido a pandemia. Outros ministros também estão infectados. Relatos indicam que pelo menos dez ministros poderão estar infectados. O presidente Lazarus Chakwera vai-se dirigir hoje à nação a qualquer momento. Reagindo à morte de Belekanyama, o ministro da informação Gospel Kasako disse que Malawi perdeu um verdadeiro patriota.O ministro do interior também expressou o seu choque pelo desaparecimento físico de Belekanyama.

 

Os dois ministros que perderam a vida hoje eram membros do MCP, Malawi Congress Party que no ano passado voltou ao poder, através da Coligação Tonse, depois de 23 anos na oposição. Ontem Malawi bateu o recorde de 452 infecções de coronavirus.

 

Até agora o país registou mais de oito mil casos de coronavírus e duzentos e trinta e sete óbitos.  Malawi registou nas últimas duas semanas um incremento de casos de coronavírus. Vivem naquele país mais de cinquenta mil moçambicanos, dos quais poderão estar infectados. Maior parte das infecções de transmissão local. (FI)

Fonte: Carta de Moçambique

Leave a Reply

Your email address will not be published.