SÉRGIO MACUÁCUA

O TREINADOR belga, Jean Loscuito, do Ferroviário, desceu ontem a Marginal para dar lição de bola ao apático e desnorteado Costa do Sol, de Artur Semedo, ganhando por 2-0, num jogo que só não terminou em goleada porque os “locomotivas” foram bastante perdulários.

Jogando na condição de visitante, mas com bom apoio nas bancadas, o Ferroviário iniciou a partida totalmente virado ao ataque, com muitos raides junto à baliza de Moca. Raúl, Yude e Mário, apoiados por Shaquille e Kito, jogavam de forma vertical, ameaçando constantemente o último reduto “canarinho”.

Como prémio dessa entrada fulgurante, os “locomotiva” abriram o activo, aos 14 minutos, por intermédio de Mário, jogador que já esteve doutro lado da “barricada”. Foi num ataque rápido pela esquerda, com Raúl a tirar um centro que é mal abordado pela defesa do Costa do Sol com a bola a sobrar para Mário que primeiro viu Moca a lhe negar a festa com uma defesa incompleta, sendo que na recarga o avançado do Ferroviário atirou de bicicleta a contar. Belo golo a coroar uma boa abordagem do desafio por parte dos “locomotivas” que jogando num 4-2-3-1, não dando muito tempo para o adversário pensar e assentar o seu jogo.

Leia mais…

Fonte:Jornal Notícias

Leave a Reply

Your email address will not be published.