Isso representa um aumento de quase 570% em relação a 2020. Maior parte da renda vem de ações concedidas pela Apple. Tim Cook, CEO da Apple, durante a WWDC21
Reprodução
O CEO da Apple, Tim Cook, que celebra seu décimo aniversário à frente da gigante americana em 2021, recebeu no ano passado US$ 98,73 milhões na forma de salário, incentivos e ações.
Isso representa um aumento de quase 570% em relação a 2020, conforme documento apresentado na quinta-feira (6) pela Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC, na sigla em inglês).
Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram
A maior parte da renda de Cook consistiu em US$ 82,35 milhões em ações que lhe foram concedidas pela Apple.
O executivo também recebeu US$ 12 milhões por superar as metas financeiras internos. O salário base anual de Cook, de US$ 3 milhões, não mudou em relação aos anos anteriores.
LEIA MAIS
Quem são os bilionários que ficaram mais ricos em 2021
Veja os detalhes e preços dos novos iPhones
A Apple desfruta de uma saúde radiante em Wall Street. Na segunda-feira (3), superou a marca dos US$ 3 trilhões em capitalização de mercado, algo inédito na história da Bolsa de Nova York. Pouco depois, voltou a cair abaixo desta marca.
Apple apresenta o iPhone 13; veja novidades

Globo Tecnologia

Leave a Reply

Your email address will not be published.