Artistas são chamados a trabalhar na promoção da Unidade Nacional

O Governo quer que os jovens artistas trabalhem com vista à promoção da unidade nacional.

 

Por outro lado, o executivo exige, também, dos jovens a preservação do património artístico moçambicano.

É uma exigência feita esta quarta-feira, pelo Secretário de Estado da Juventude e Emprego, Oswaldo Petersburgo, na abertura da Mostra Nacional de Jovens Criadores, designada “MOJOVENS-2020”.

Durante dois dias, 11 delegações de jovens de todo o país vão expor o que de melhor sabem fazer nos campos da literatura, artes plásticas, fotografia, escultura, moda e cinema.

Um destes jovens é Borly, músico da província da Zambézia, para quem as artes podem edificar a sociedade.

Quem igualmente está expectante em tocar os corações dos jovens é Olga Miriamo, participante da província de Cabo Delgado, na categoria de poesia.

Os melhores classificados da sexta edição da Mostra Nacional de Jovens Criadores vão representar o país no evento bienal dos jovens criadores da CPLP, a ter lugar no próximo ano, em Cabo Verde. (RM)

Fonte:Rádio Moçambique Online

Leave a Reply

Your email address will not be published.