A Delegação da Confederação Africana de Futebol está, desde hoje,  em Vilankulo, para inspeccionar as infra-estruturas que serão utilizadas no Campeonato Africano das Nações de Futebol de Praia. As obras da Arena já se iniciaram, e a previsão do término é Agosto próximo

Uma missão da Confederação Africana de Futebol (CAF) chegou ao país, na última segunda-feira, no âmbito da preparação da VII edição do Campeonato Africano das Nações de Futebol de Praia, que vai decorrer de 21 a 31 de Outubro, em Vilankulo, província de Inhambane.

Os emissários do órgão reitor do futebol continental, vindos do Egipto, partiram directo de Joanesburgo para a cidade de Vilankulo, onde realizaram, hoje, uma inspecção às infra-estruturas existentes para atender às demandas do evento internacional, nomeadamente, a Arena de jogos, hotéis, hospitais e aeroporto.

Durante a sua visita ao país, a delegação tem estado a manter alguns encontros com as autoridades locais, em Vilankulo, com destaque para o presidente do Município, o administrador e outras estruturas, para se inteirar das reais condições existentes e dos progressos feitos até à data, sendo que, esta quarta-feira, chegam à capital do país para encontros ao mais alto nível.

Na capital do país prevê-se que se reúnam com o secretário de Estado do Desporto, Carlos Gilberto Mendes, bem como com outras estruturas governamentais ligadas ao desporto, para além da própria direcção-executiva da Federação Moçambicana de Futebol, com a qual se espera um encontro que vai servir para alinhavar a preparação do sorteio da fase de qualificação da competição, acto que vai decorrer na próxima sexta-feira, segundo o organismo que gere o futebol moçambicano.

Hoje, a delegação da Confederação Africana de Futebol visitou as instalações da Arena de Vilankulo, local que vai acolher os jogos. Depois da Arena, seguiram-se visitas aos hotéis que vão receber as delegações nacionais, comissários da CAF e todos os agentes directamente ligados à prova, o Hospital Rural e o Aeroporto Internacional de Vilankulo.

 

ARENA DE VILANKULO PARA SER ENTREGUE ATÉ AGOSTO

A missão da Confederação, acompanhada pelo presidente da Federação Moçambicana de Futebol, Feizal Sidat, e pelo presidente do Conselho Autárquico de Vilankulo, William Tuzine, visitou as instalações da Arena de Futebol de Praia na manhã de hoje.

Uma teleguiada às obras avaliadas em cerca de 50 milhões de Meticais, que deixaram satisfeitos os membros da delegação da CAF, olhando para o que já foi feito e para as promessas deixadas pelo empreiteiro para a conclusão das mesmas.

A Arena é composta por um campo principal para jogos, dois campos de treinos, sala de reuniões, imprensa e compartimentos que estarão reservados para o comércio. A missão deixou algumas recomendações, entre as quais está a separação dos acessos para intervenientes directos dos jogos, público e entidades da Confederação Africana de Futebol e do Governo.

Iracema Machava, responsável da obra, diz que as mesmas estão a bom ritmo e realça os avanços já dados desde o arranque, há dois meses. “Estamos numa fase de colocação do muro de contenção para podermos ter o nível e plantar o campo de futebol de praia. As pancadas estão em produção de estaleiro, porque serão feitas de estrutura metálica e serão implantadas em moldes de 2,4 metros cada uma. Também estamos na fase de escavação e contenção nos campos de treinos e, ao longo desta semana, vamos iniciar a colocação da areia de praia e, depois disso, estará praticamente terminado”, explicou Iracema Machava.

Actualmente, há obras que estão em fase terminal, entre elas estão os sanitários VIP e para os deficientes. Mas ao longo desta semana, segundo Iracema Machava,  “vamos entrar para a fase de tijoleiras, instalação hidráulica definitiva e instalação elétrica definitiva”.

Outras infra-estruturas em construção são os dois balneários, especificamente, para as equipas e para os árbitros. A promessa, segundo a responsável da obra, é que estejam terminadas em duas semanas.

Em simultâneo com as actividades que acontecem no interior da Arena, do lado exterior, decorre o arranque da vedação principal para a protecção do campo, das áreas pedonais e das verdes.

“Pretendemos finalizar a obra até ao fim do mês de Agosto, para entregá-la à Federação Moçambicana de Futebol”, prometeu Iracema Machava.

Questionada sobre a avaliação que faz das obras que se iniciaram em Abril passado, Iracema Machava considerou-a positiva, tendo realçado que “em dois meses, nós fizemos muita coisa, mas pode não parecer, porque temos muitos solo espalhado”.

E é por via dessa avaliação que considera que “se fizemos isso tudo em dois meses, queremos acreditar que, nos próximos dois meses, vamos fazer ainda melhor para podermos entregar o campo em condições”.

A construção da Arena de Vilankulo está prevista que termine em Agosto, dois meses antes do arranque do Campeonato Africano das Nações, CAN 2022, de futebol de praia. Moçambique vai defender o segundo lugar e lutar pelo título inédito na prova continental.

Fonte:O País

Leave a Reply

Your email address will not be published.