ANTIGO DIRECTOR PROVINCIAL DE EDUCAÇÃO DA ZAMBÉZIA CONDENADO A 4 ANOS DE PRISÃO
O Tribunal Provincial da Zambézia condenou, esta quarta-feira, o antigo director provincial de Educação e Desenvolvimento Humano, Armindo Primeiro, a pena de quatro anos de prisão e sete meses de multa por desvio de três milhões de meticais do erário público.
O valor destinava-se a reabilitação da Casa de Cultura de Chinde, sul da Zambézia.
Igualmente foram condenados Paulo Muiambo, antigo coordenador de Construções Aceleradas na Direcção provincial de Educação e Desenvolvimento Humano, a pena de dois anos de prisão, Faustino Amimo, antigo director-adjunto, agora assessor no Conselho de Representação, a seis meses de prisão convertida em multa. (RM)

EARLY PROVINCIAL DIRECTOR FOR EDUCATION OF ZAMBERIA CONDENATED 4 YEARS PRISON
Zambezia Provincial Court condemned former provincial director of Education and Human Development this Wednesday, Armindo First, four years imprisonment and seven months fine for diverting three million metals from public purse.
The value was intended for rehabilitation of the Chinde House of Culture, southern Zambézia.
Also sentenced Paulo Muiambo, former coordinator of Accelerated Constructions in the provincial Directorate of Education and Human Development, two years in prison, Faustino Amimo, former Deputy Director, now adviser to the Representation Council, six months in prison converted into fine. fine. (RM)

·




Rádio Moçambique Facebook

31 thoughts on “ANTIGO DIRECTOR PROVINCIAL DE EDUCAÇÃO DA ZAMBÉZIA CONDENADO A 4 ANOS DE PRISÃ…”
  1. Na política é assim mesmo, a mentira é palavra de Deus, a corrupção é o mandamento e o dinheiro é o paraíso.

  2. A RM é credível sim. Mas ela deve, como instituição, exigir muito do redator. Às vezes tem se destraido quando escreve.

  3. Eu proponho que o Estado moçambicano abra processo crime, contra todos empreiteiros que tem obras não terminadas em todo o país. Temos que saber o que está por detrás da má qualidade das obras do Estado e a não conclusão atempada das mesmas.

  4. São penas k poderam se beneficiar do 4 da pena em breve estarão fora, mas temos casos de pais e filhos k por estarem a trabalhar nas florestas do distrito de Gaza estão presos e condenados a 2 anos de prisão esses não roubaram nada

  5. Esse foi o processo crime e os processos disciplinares? Esse assessor vai continuar a desenvolver as suas actividades? Que tipo de assessoria vai dar ao conselho de representação do Estado?

  6. Mas afinal qual é a pena para desvio de fundos públicos? Porque se for 4 anos, alguém me meta num desses esquemas, por favor?

Leave a Reply

Your email address will not be published.